sábado, 6 de fevereiro de 2010

Duro na praia

Há algum tempo venho enfrentando uma séria crise financeira. Nunca deixei de pagar em dia as contas do mês. Semopre fui uma pessoa totalmente disciplinada neste quesito. Mas nos últimos tempos, com álbum de formatura (ai, como me arrependo), seguro obrigatório da moto (que estava atrasado desde agosto e eu paguei no final de janeiro), e muitas e muitas despesas, não sei como consegui me virar até agora, pois só recebo no dia 10 e tenho três reais na carteira.

Cada real que sai dela eu quase choro.

Acho que é por isso que eu estou escrevendo num blog, às oito e meia da noite de um sábado muito quente, dentro de um quarto mais quente ainda. Fazer o que? Ir à festa? Que nada, nem gosto. Ir ao pré-carnaval? Que nada, prefiro ficar em casa, assistindo TV e derretendo.

Em janeiro, tive de escolher algumas contas pra pagar. Escolher não, sortear. Coloquei todas as contas em uma caixa e sorteei quais seriam as felizardas que seriam pagas na primeiro mês do ano. As que ficaram pra trás serão pagas em fevereiro. E ai da loja que me ligar cobrando! Ela corre o sério risco de não participar do sorteio no mês que vem!

Com este monte de contas pra pagar, tantas prestações e preocupações, só tenho uma coisa a fazer este mês. VOU VIAJAR PRA BALNEÁRIO CAMBORIÚ NO CARNAVAL!

Já reservei minha passagem na excursão. Vou pagar em três vezes no cheque.

Minha avó, sempre cautelosa me disse: "Reclama tanto de falta de dinheiro e vai à praia..." Mas eu respondi: "Se eu não for, vou reclamar do mesmo jeito e o dinheiro vai faltar do mesmo jeito." Ela disse: "Mas e as contas?" Eu respondi: "Que contas? Ah, me fala de contas só no mês que vem. Até lá e preparo outro sorteio."

Vou durasso à praia. Ainda bem que temos direito a almoço, café e janta.

O importante é que eu vou. E terei história pra contar depois. Só não vou à praia de nudismo, porque lá não pode entrar duro.

4 comentários:

TyZ disse...

kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk
O texto começou ótimo XD

Danilo disse...

E terminou, tipo, "que se dane" hehehehe

Reinaldo C. Zanardi disse...

Danilo, por outro lado "ficar duro" na praia tem suas vantagens... Só cuidado com o atentado ao pudor. hahahahahah

Danilo disse...

Reinaldo, atentado ao pudor é ficar duro na praia e com um churros na mão. Aí sim.