quinta-feira, 9 de abril de 2009

O que é música boa?

Eu gosto de quase tudo quanto é tipo de música. Gosto de sertanejo do estilo Zezé di Camargo e Luciano, Leandro e Leonardo, Daniel, Gian e Giovani, Christian e Ralf, Chitãozinho e Xororó. Gosto de sertanejo caipira do estilo Tonico e Tinoco, Milionário e José Rico, Tião Carreiro e Pardinho, Irmãs Galvão e demais da moda de viola.

Gosto de música paraguaia, tipo Perla; gosto de música gaúcha e sul-matogrossense; gosto de batucada, tipo música indiana e africana; gosto de samba; pagode; axé; rock; pop, tipo Michael Jackson; choro; adoro Calypso, maracatu, reggae e frevo. Até na música clássica tem coisas que são legais. Adoro Roupa Nova. Curto um pouco até de hip-hop, música eletrônica e brega.

Mas tem uma coisa fica martelando na minha cabeça: por que quando a gente entra na faculdade as pessoas acham que a gente é obrigado a gostar de MPB? Porque os universitários de Humanas só ficam ouvindo MPB? Por que só MPB é música boa? Porque quando a gente fala que gosta de moda de viola, todo mundo ri, ou então diz que é coisa de velho, é coisa brega?

Pois eu digo uma coisa: eu odeio MPB! Claro, não posso negar que tem muita coisa boa, tipo... tipo... ah deixa pra lá, agora eu esqueci. Mas o problema é que tem gente que se acha o ó do borogodó só porque curte - ou finge que curte - as músicas da Ana Carolina, do Zeca Balero, do Chico Buarque, do Tom Jobim, Elis, da filha da Elis, da Vanessa da Mata etc.

Claro, tem algumas que eu gosto e que são bonitas. Mas, cara, tem letra que não tem sentido.

"Porque eu gosto é de rosas e rosas e rosas. Muitas vezes são vermelhas, mas sempre são rosas." Ou então "Espero a chuva cair nas minhas costas largas que afagas enquanto durmo." Claro, se é Ana Carolina quem canta, os poéticos vão produzir análises mirabolantes sobre a letra. Mas coloca isso na boca do Daniel. Todos vão odiar a mesma letra.

Outro dia, uma amiga minha que diz adorar Chico Buarque me viu ouvindo a música "Minha História", que o Zezé gravou. Ela achou horrível, claro. Mas não sabia o que dizer quando descobriu que a música era do Chico.

Outro dia, outra amiga ficou indignadíssima quando soube que Os Paralamas do Sucesso gravaram uma música com a banda Calypso. Confesso que não ficou muito bom mesmo o Herbert cantando "acelerou, acelerou, acelerou..." mas a iniciativa foi bacana. Apesar de que o Herbet pode ser um grande compositor, mas para cantar... Assim como é também o Caetano, o Gil, o Milton Nascimento, Djavan, Chico e tantos outros.

Não é justo as pessoas acharem tão ruim alguém gostar de algo que destoa da realidade em que vive. Eu não gosto de MPB e pronto. Não adianta dizer que "Lenha" é uma música linda e maravilhosa, porque eu nunca vou entender "o que ela quer dizer que vai dizer, se não sabe dizer o que quer dizer que vai dizer, mas nunca diz nada". Aliás, todo mundo adorou o Zeca Balero cantando "Lenha", mas todo mundo odiava "Lenha" quando Rio Negro e Solimões a cantava.

Enfim, abaixo o preconceito contra os meus gostos! Abaixo as pessoas acharem que só MPB é que é música boa! Não é só porque agora sou uma pessoa "culta" e graduada que sou obrigado a ouvir esse tipo de música. Até parece que a gente precisa ouvir isso simplesmente para nos diferenciarmos da "plebe". Só por Deus.

O que é música boa? o que eu quero dizer é que não existe um tipo de música melhor que a outra. MPB não é melhor que hip-hop, que não é melhor que sertanejo, que não é melhor que bossa nova, que não é melhor que rock, que não é melhor que MPB. Incluo nisso ATÉ MESMO o sertanejo universitário e o funk. Se tem gente que gosta, então é música boa para estas pessoas.

Então, eu continuo aqui com todos os CDs do Zezé di Camargo, meus CDs do Sérgio Reis, Daniel, Calypso, Tião Carreiro e Roupa Nova.

E esperando alguém me convencer a gostar de MPB.

5 comentários:

Paula disse...

Dê uma olhada nessa cantora! Música de boa qualidade! vale muito a pena! ela canta umas música de mpb mto boas.. e que voz!

http://loudi.dan.zip.net/

Danilo disse...

Obrigado Paula. Gostei muito. Valeu!

Flávia disse...

Oieee ....vc é d+ concordo em genero, número e grau...tem algumas pessoas que passam no vestibular hoje e noutro dia ja ouve MPB, dizendo que é cultura! Ah vai se lasca....não é e nunca foi o tipo de musica que vc ouve que vai te dar mais ou menos cultura.....bjos...

TyZ disse...

1)Também sempre apreciei o estilo sertanejo, mas com preferência pelas melodias atuais de Zezé e Luciano. Hoje, Victor & Leo =)

Música paraguaia? XD Gostei!
Já ouviu a "pérola" da Stephany e seu CrossFox?

Mas, se me pedirem pra dizer agora: qual o melhor ritmo pra sair dançando, sem medo de ser feliz? Eu digo sem pestanejar, a Dança Proibida =D Lambada!

ROUPA NOVA? A nata da MPB!♥.♥
Não, quando a gente começa em Jornalismo exigem que você esteja apresentando um Telejornal no dia seguinte, ou é incompetente. Se entra em Medicina e não aprende em 4 passos uma cirurgia cardíaca da noite pro dia, é incompetente.
As pessoas são WEIRD!

TyZ disse...

2)Eu amo Vercilo,Elis,Ana Carolina,Maria Rita,Pedro Mariano e eles fazem sentido pra mim, pelo menos.É uma coisa de coração, mesmo;
acho que você não odeia a MPB, já que curte RN. Você odeia as pessoas e isso que fizeram você acreditar que era a MPB. Eu mesma, achava uma chatice até poucos anos atrás.Hoje, tenho carteirinha! Tem um quê especial na nosa Bossa Nova, é nossa marca no mundo (musical).

Paralamas e Calypso? Que mistura... Gosto dos dois em separado, no entanto.

Viu?O exemplo da sua amiga que gosta do Chico: as pessoas vêem o que querem. E ouvem também =)

Gente culta e graduada (incluindo-me neste grupo) não escuta só o erudito: tem plena noção de um pouco de tudo o que rola na música, na política, no mundo, dentro de sua casa... Né não?

O meu MP4 também tem um pouco de tudo!
Ainda faço uma lista no blog XD